Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Gol na Justiça

Justiça uruguaia autoriza ex-jogador do Grêmio a ser treinador

A Justiça uruguaia reconheceu o diploma de treinador, emitido no Brasil, ao ex-zagueiro Hugo de Leon. Ele vinha trabalhando com uma licença provisória há alguns anos naquele país. Com a decisão, o Ministério do Turismo e Esporte uruguaio não poderá mais impedir Leon de treinar equipes no país. A informação é do portal Abril.

O ex-jogador do Grêmio deverá ser habilitado para comandar equipes do banco de reservas. "A justiça demora, mas chega. Esta decisão demonstra que, quando se tem razão, é preciso seguir firme na defesa de seus direitos", disse ao portal.

De León é um dos grandes nomes da história do Grêmio, pelo qual conquistou títulos como jogador e treinador. A Associação Uruguaia de Treinadores de Futebol (AUDEF, em espanhol) havia se mostrado contrária à habilitação do ex-jogador. Além disso, várias equipes se negaram a enfrentar o Campeonato Nacional em amistosos devido à presença de De León no banco de reservas. Em meio à polêmica, a AUF acabou cassando sua licença provisória.

Revista Consultor Jurídico, 1 de janeiro de 2009, 16h45

Comentários de leitores

1 comentário

o que que liga uruguai entende de treinador ...

pardal (Outros)

o que que liga uruguai entende de treinador de futebol????sendo que de leon foi um dos melhores zaqueiro do mundo. uma pergunta???tem melhor que ele ai no uruguai.

Comentários encerrados em 09/01/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.