Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Generosidade punida

Bank of America paga para encerrar ação nos EUA

O Bank of America vai paga US$ 33 milhões para que a Securities ans Exchange Comission (SEC), agência governamental reguladora do mercado de capitais dos Estados Unidos, encerre uma ação movida contra a instituição bancária. A SEC acusou o banco de dar informações desencontradas a seus acionistas sobre bilhões de dólares, em bônus, que foram pagos a executivos do conglomerado financeiro Merrill Lynch. O Bank of America comprou o Merril Lynch em setembro de 2008. Pouco antes da consumação da compra, o banco pagou US$ 5,8 bilhões aos executivos do Merril Lynch.

O Bank of America perdeu US$ 26,8 bilhões em 2008. Segundo o procurador-geral de Justiça de Nova York, Andrew Cuomo, o Bank of America pagou US$ 3,3 bilhões em bônus a seus executivos e funcionários no ano passado.

Analistas consideram irrisória a soma paga à SEC, para por fim à ação, já que os US$ 33 milhões desembolsados no acordo judicial representam apenas 0,57% dos valores movimentados pelo Bank of America em 2008. Com informações do site American Lawyer

Revista Consultor Jurídico, 5 de agosto de 2009, 0h23

Comentários de leitores

1 comentário

Meritocracia capitalista

Sandro Couto (Auditor Fiscal)

Essa é a tão afamada meritocracia americana. Ora, pagar bônus a executivos responsáveis pelo desastre é, no mínimo, absurdo. Além dos acionistas da empresa estarem sendo feitos de palhaços, aqueles que pagam juros escorchantes, assim como nós também tem que colocar o nariz vermelho, pois através de nossos tributos somos obrigados a manter um tal superávit primário apenas para fazer frente a pagamento de serviço uma dívida pública já paga há muito tempo, não fosse o regime draconiano que nos é imposto. Auditoria da dívida pública, jamais se discute, revisão muito menos. Dessa forma, com um roubo institucionalizado e "legal", é que se mantém tais absurdos na terra do tio sam, às nossas expensas, a farra com o dinheiro público principalmente dos países emergentes. Quanta hipocrisia dos donos do mundo!

Comentários encerrados em 13/08/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.