Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Tempo de parar

Policial civil vai ao Supremo pedir aposentadoria especial

O policial civil Eurico Hummig Filho entrou, nesta quarta-feira (23/7), no Supremo Tribunal Federal, com Mandado de Injunção para pedir aposentadoria especial.

No pedido de liminar, o policial requer a concessão antecipada da aposentadoria especial, independentemente da idade, até o julgamento do mérito ou até que o Legislativo supra a falta de regulamentação do tema.

Hummig Filho tem mais de 30 anos de serviço público, mas teve o pedido indeferido porque deve cumprir 35 anos de atividade, tal como os demais servidores públicos. O policial civil afirma que manter policiais idosos nas ruas pode acarretar em risco à sociedade.

Ele diz que há omissão do Poder Legislativo em editar Lei Complementar sobre o direito a aposentadoria para quem exerce atividades de risco prejudiciais à saúde e integridade física. E mais: que “o exercício das atividades policiais demanda um grau de desgaste físico e mental muito superior à média a que está submetida os demais servidores públicos”.

Mandado de Injunção 865

Revista Consultor Jurídico, 23 de julho de 2008, 18h02

Comentários de leitores

1 comentário

..."que “o exercício das atividades policiais d...

futuka (Consultor)

..."que “o exercício das atividades policiais demanda um grau de desgaste físico e mental muito superior à média a que está submetida os demais servidores públicos”.'.. -Eu espero que ninguem tenha nenhuma dúvida, principalmente o STF - sobre essa dura nua e crua realidade em que vive o profissional e cidadão até mesmo como ser-humano ('de carne e ossos')!

Comentários encerrados em 31/07/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.