Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Palavra falada

STF julga lei do Paraná que baniu voto legislativo secreto

O Supremo Tribunal Federal deverá julgar a constitucionalidade de proibir o voto secreto para os parlamentares. A Ação Direta de Inconstitucionalidade foi ajuizada pela Confederação Nacional dos Usuários de Transportes Coletivos Rodoviários, Ferroviários, Hidroviário e Aéreo contra o parágrafo único, do artigo 56 da Constituição do estado do Paraná, acrescentado ao texto constitucional paranaense pela Emenda Constitucional 17/06.

O dispositivo proíbe o voto secreto na Assembléia Legislativa do estado.Segundo a ação, desde então, os atos próprios da Assembléia Legislativa e o exercício do direito do voto dos deputados passaram a ser abertos, em todas suas circunstâncias.

A confederação alega que o sistema federativo brasileiro adotado pela Constituição Federal não permite aos estados-membros a autonomia plena para auto-organização, “devendo o elo estatal atrelar-se aos princípios insculpidos no texto maior”. Por isso, argumenta que o ente federativo não poderá estabelecer, em sua norma fundamental, uma determinada regra que viole o que está contido na Constituição Federal.

Levando em consideração a relevância da matéria em questão, o ministro Ricardo Lewandowski, relator, adotou o procedimento previsto no artigo 12 da Lei 9.868/99, que permite que o processo seja julgado direto no mérito. Foram solicitadas informações à Assembléia Legislativa do estado do Paraná e, em seguida, será aberta vista ao advogado-geral da União e ao procurador-geral da República.

ADI 3.945

Revista Consultor Jurídico, 4 de setembro de 2007, 0h00

Comentários de leitores

1 comentário

Coisas do Requião !!! Ele quer saber quem nã...

A.G. Moreira (Consultor)

Coisas do Requião !!! Ele quer saber quem não cumpre as suas ordens !!!!

Comentários encerrados em 12/09/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.