Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Direto no bolso

TSE multa Marta Suplicy em R$ 53 mil por propaganda antecipada

A prefeita de São Paulo e candidata à reeleição, Mata Suplicy, deve pagar multa de R$ 53 mil por propaganda eleitoral antecipada. A decisão é do plenário do Tribunal Superior Eleitoral, que rejeitou Agravo de Instrumento ajuizado pela candidata.

O Tribunal Regional Eleitoral paulista já havia condenado a prefeita. Segundo o TSE, a propaganda com conotação eleitoral foi ao ar, em rede estadual, no programa partidário do PT, em 14 de junho. A autorização de inserção deste tipo de programa estava permitida somente após 6 de julho.

Revista Consultor Jurídico, 16 de setembro de 2004, 13h49

Comentários de leitores

2 comentários

É uma vergonha! Burlar a lei é uma caracter...

Luis Gomes ()

É uma vergonha! Burlar a lei é uma caracteristica do PT. Muito bem aplicada a pena!

É pratica da PREFEITA MARTA, pois no dia 05 de ...

Alvaro Benedito de Oliveira (Advogado Autônomo)

É pratica da PREFEITA MARTA, pois no dia 05 de setembro compareceu ao espaço BARRA FUNDA, que em evento promovido pela IGREJA RENASCER EM CRISTO, sob os auspicios do Ap. Estevão, proferiu discurso, com fundo politico para mais de 15.000 pessoas ali presentes. Ora, em pleno exercicio do cargo e em campanha esta atitude se demonstra ilegal e tambe deve ser punida, apesar de aparentemente ter cunho social.

Comentários encerrados em 24/09/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.