Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Proposta recusada

Proposta dos EUA é recusada por fazendeiros de MT e de GO

No primeiro semestre deste ano, representantes da associação dos produtores de soja dos Estados Unidos visitaram fazendeiros do Centro-Oeste brasileiro para propor a interrupção da plantação. Segundo repórter colaborador da Update, que esteve na região para fazer notícia sobre o desenvolvimento econômico da área, os norte-americanos ofereceram US$ 174 por hectare não-cultivado por um período de dois anos. Nenhum produtor aceitou.

De acordo com os fazendeiros, os norte-americanos estão preocupados com a supersafra prevista pelo departamento de agricultura dos EUA para o Brasil este ano, de 48 milhões de toneladas. Somadas à produção estimada na Argentina — de 30 milhões de toneladas — os dois países ultrapassam a safra dos EUA prevista para 2002, de 71 milhões de toneladas.

Em análises anteriores, o departamento trabalhava com a projeção de que todo o Mercosul — e não apenas Brasil e Argentina — ultrapassasse a produção norte-americana de soja apenas em 2003.

Em Mato Grosso, o aumento de área cultivada e o investimento em pesquisa e tecnologia resultaram um aumento de produção de soja de 22% de 2001 para 2000, de acordo com dados do Ministério da Agricultura. Em Goiás, os produtores afirmaram que o rendimento conseguido no cultivo de soja este ano é de 3,6 toneladas por hectare - a média brasileira em 2001 foi de 2,7 ton/ha.

Revista Consultor Jurídico, 6 de setembro de 2002, 11h06

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 14/09/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.