Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Relógio atrasado

Metrô é obrigado a indenizar por atraso de passageiro em concurso

A juíza Maria Cândida Gomes de Souza condenou o Metrô do Rio de Janeiro a indenizar um passageiro por danos morais. De acordo com a decisão, ele deve ser indenizado em R$ 1.600,00 por ter chegado atrasado em um concurso da Aeronáutica.

O soldado J.D.P. iria prestar concurso para formação de cabos da Aeronáutica. Chegou às 7h15, no Irajá, para esperar o metrô. A intenção era estar no Maracanã até às 7h45. Devido a problemas técnicos o metrô atrasou cerca de 40 minutos. O atraso impediu que o soldado estivesse no local da prova na hora pretendida.

A juíza rejeitou o recurso da concessionária por entender que o soldado não possuía condições financeiras para se valer de outro meio de transporte.

Revista Consultor Jurídico, 28 de junho de 2002, 10h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 06/07/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.