Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Telemar no alvo

Jacarepaguá terá posto de reclamações contra a Telemar

O terceiro posto do Projeto Expressinho será inaugurado, na quinta-feira (28/2), em Jacarepaguá. O projeto foi criado para atender consumidores que têm reclamação contra a Telemar.

O posto será instalado pelo presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, desembargador Marcus Faver, e pelo corregedor-geral da Justiça, desembargador Paulo Gomes da Silva Filho, no 16º Juizado Especial Cível de Jacarepaguá, na Estrada do Gabinal, nº 313, Rioshopping.

Um funcionário da Telemar ficará diariamente no posto para resolver o problema do consumidor, evitando a abertura de processo. O representante da empresa também vai realizar acordos que serão levados ao juiz para homologação.

A iniciativa visa reduzir o volume de ações que os juízes recebem para julgar. Atualmente, tramitam no Juizado Especial Cível de Jacarepaguá cerca de 8.000 processos. Deste total, 80% são contra a Telemar. As reclamações variam desde defeito na linha, cobranças indevidas e linhas não instaladas.

O Juizado de Jacarepaguá realiza diariamente, em média, 50 audiências. Em 40 delas, a empresa de telefonia é ré.

O primeiro posto do Projeto Expressinho foi implantado em 2000, em caráter experimental, no Juizado Especial Cível de Pendotiba, em Niterói.

Revista Consultor Jurídico, 27 de fevereiro de 2002, 18h01

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 07/03/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.