Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Briga de torcida

Torcedores corintianos atingidos por rojões devem ser indenizados

A Federação Mineira de Futebol foi condenada a indenizar dois torcedores corintianos que sofreram lesões durante um jogo no Estádio Mineirão. Ralph Rodrigues e sua filha devem receber juntos 150 salários mínimos (R$ 27 mil). A decisão é da 4ª Câmara Cível do Tribunal de Alçada de Minas Gerais.

Segundo o processo, no dia 13 de dezembro de 1998, durante um jogo entre Cruzeiro e Corinthians, torcedores cruzeirenses atingiram pai e filha com rojões.

De acordo com o relator, juiz Paulo César Dias, ficou comprovado nos autos que os dois agredidos sofreram trauma acústico, com perda de 30% da audição. Os dois foram submetidos a uma cirurgia.

A Federação havia sido condenada, em primeira instância, a pagar 300 salários mínimos (R$ 54 mil). O relator manteve a condenação e reduziu a indenização.

O juiz entendeu que o acidente foi decorrente da ausência de fiscalização por parte da Federação Mineira de Futebol, que permitiu a entrada de pessoas portando rojões.

“A Federação agiu com culpa quando deixou de fiscalizar convenientemente o movimento nas bilheterias do estádio, permitindo que os autores fossem atingidos por um rojão", concluiu.

Apelação nº 342481-1

Revista Consultor Jurídico, 7 de fevereiro de 2002, 16h15

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 15/02/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.