Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Vacas magras

Justiça penhora fazenda Boi Gordo onde foi gravada Rei do Gado

A fazenda onde foi gravada a novela global, Rei do Gado, que pertence às Fazendas Reunidas Boi Gordo (FRBG) está sendo penhorada. A fazenda está localizada em Itapetininga (SP). Esta é a segunda fazenda penhorada pela justiça em Ação Cautelar de Arresto movida pela Associação dos Parceiros e Credores das Fazendas Reunidas Boi Gordo (APCBG).

A outra fazenda penhorada esta semana está localizada na região de Londrina (PR). Além dessas duas, a Associação entrou com Ação para penhorar as fazendas de Cuiabá, Comodoro, Porto Esperidião, Cáceres, Pontes de Lacerda, Chapada dos Guimarães, todas no Estado do Mato Grosso.

De acordo com o advogado da APCBG, António Augusto Coelho, os juízes das Comarcas de Comodoro e da Chapada dos Guimarães se recusaram a cumprir as cartas precatórias de arresto e de seqüestro de bens imóveis e gado das fazendas.

O seqüestro havia sido concedido pela 10ª Vara Cível de São Paulo. Segundo o advogado a recusa foi fundamentada na exigência de 'requisitos formais', como a apresentação de cópias autenticadas dos estatutos da APCBG ou, ainda, o pagamento de custas.

Para o advogado, a demora no cumprimento das precatórias "possibilitará que as empresas desviem o gado e bens móveis objetos da constrição judicial".

O secretário-executivo da Associação, Miguel Gandullo, informou que irá representar contra os juízes que se recusaram a cumprir a determinação na Corregedoria de Justiça de Mato Grosso.

Revista Consultor Jurídico, 20 de dezembro de 2001, 15h06

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/12/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.