Consultor Jurídico

Férias do presidente

Ministro Jorge Mussi assume a presidência do STJ pelos próximos 15 dias

O ministro Jorge Mussi assume neste domingo (17/1) o exercício da presidência do Superior Tribunal de Justiça (STJ) pelos próximos 15 dias. Nesse período, o presidente da corte, ministro Humberto Martins, estará de férias, retornando no dia 1º de fevereiro para a sessão da Corte Especial que marcará o início do ano forense.
Jorge Mussi despachará no plantão
judicial do STJ até o dia 1º de fevereiro
Gilmar Ferreira

Jorge Mussi comandará o tribunal na continuidade do período de férias dos ministros, analisando os processos com pedido de medidas urgentes, além das matérias de competência da presidência. Na sede do STJ, ele reuniu a equipe técnica do plantão e disse que a linha de atuação a ser seguida é a mesma adotada pelo ministro Humberto Martins.

"Não há surpresas ou reviravoltas, a nossa linha de atuação será a mesma do presidente do tribunal. Trabalhamos em parceria e o jurisdicionado pode esperar o mesmo empenho e dedicação na análise dos pedidos urgentes", afirmou.

Segundo Humberto Martins, o comando do tribunal está em boas mãos. "Nós temos sintonia no trabalho já há muito tempo. Tenho plena confiança no ministro Mussi e em sua equipe para a condução do tribunal nesta segunda quinzena de janeiro", declarou.

Assim como o ministro Humberto Martins, Mussi estará todos os dias no tribunal, presencialmente, contando com o auxílio técnico das demais áreas do STJ.

O vice- presidente
Jorge Mussi é natural de Florianópolis e se formou em direito na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Atuou na advocacia e, antes de se tornar magistrado, foi procurador-Geral de Florianópolis, consultor jurídico de Santa Catarina, conselheiro e tesoureiro da OAB-SC.

Na magistratura, foi juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina e desembargador do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, órgão que presidiu de 2004 a 2006. Foi nomeado para o STJ em dezembro de 2007. Com informações da assessoria de imprensa do STJ.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 17 de janeiro de 2021, 12h54

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/01/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.