Consultor Jurídico

Notícias

"Vivo ou morto"

MPF pede ajuda da imprensa para encontrar alvo de uma de suas operações

Chegou a diversas redações do país na noite da terça-feira (17/12) um pedido insólito. Por e-mail, o Ministério Público Federal no Pará pediu que os veículos de comunicação cadastrados na lista de contatos da assessoria de imprensa do órgão divulguem fotos do alvo de uma de suas espetaculosas operações deflagradas no estado.

As imagens, claro, foram fornecidas pelos procuradores. A explicação para o pedido de socorro é que o investigado "ainda está foragido" —embora sequer tenha sido julgado.

Pesa contra ele uma ordem de prisão preventiva, decretada pela Justiça Federal no Pará. Ele é acusado de, junto com o pai, invadir terras de ribeirinhos em Marabá com suas fazendas.

Revista Consultor Jurídico, 18 de dezembro de 2019, 9h31

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 26/12/2019.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.