Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Conflitos esportivos

No Rio, Juizado do Torcedor expulsou 500 brigões de estádios em 2017

Em 2017, mais de 500 torcedores de Botafogo, Flamengo, Fluminense, Vasco, Macaé e Corinthians foram afastados dos estádios de futebol por decisões judiciais em processos por práticas de violência, associação criminosa, injúria racial e descumprimentos de medidas judiciais, entre outras penalidades. É o que mostra levantamento do Juizado Especial do Torcedor e Grandes Eventos do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. 

As torcidas organizadas Jovem Fla, Força Jovem do Vasco, Fúria Jovem do Botafogo, além das corintianas Gaviões da Fiel, Coringão Chopp, Camisa 12 e Torcida Pavilhão Nove, estão impedidas de ingressar nos estádios.

Desde 2003, o Juizado Especial do Torcedor atua nos estádios do Rio para garantir a segurança e o conforto dos torcedores nas partidas. O desembargador Mauro Martins, que coordena a Comissão Judiciária de Articulação dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais em Eventos Esportivos, Culturais e Grandes Eventos, afirma que o juizado tem discutido soluções de paz com os clubes, instituições e outros órgãos públicos.

E a atuação do Poder Judiciário, segundo ele, tem atraído, de forma gradual, torcedores que querem apenas fazer festa e torcer por seus times nos estádios. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-RJ.

Revista Consultor Jurídico, 2 de janeiro de 2018, 17h41

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 10/01/2018.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.