Consultor Jurídico

Direito na Europa

Por Aline Pinheiro

Blogs

Avaliação do consumidor

Site deve indenizar advogados na Inglaterra por publicar crítica negativa

Os donos de um site na Inglaterra foram condenados a indenizar um escritório de advocacia por publicar críticas negativas sobre os serviços prestados pelos advogados. A Corte Superior de Justiça fixou o valor da reparação em 10 mil libras (cerca de R$ 60 mil), segundo notícia da Ordem dos Advogados britânica.

O site Solicitors from Hell convida clientes mal atendidos por defensores a botar a boca no trombone. Nas suas páginas, cada um pode relatar a experiência que teve com o escritório e alertar outras pessoas sobre a qualidade do serviço oferecido. É exatamente como outros portais que agrupam resenhas sobre hotéis, companhias aéreas ou eletrônicos, por exemplo. O objetivo é compartilhar experiências com outros consumidores.

A troca, no entanto, não agrada a Ordem dos Advogados inglesa. Em novembro de 2011, a Law Society conseguiu tirar do ar a versão original do Solicitors from Hell. A entidade defende que as críticas são abusivas e acabam com a reputação dos profissionais. Pouco tempo depois de o site original sair do ar, surgiram novas versões.

Neste novo caso julgado, a Corte Superior de Justiça considerou excessiva a avaliação de clientes que classificaram um escritório como grosseiro e intimidador. O tribunal observou que a banca perdeu pelo menos um cliente, que encontrou a crítica na internet e resolveu procurar outro advogado.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 21 de setembro de 2015, 16h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 29/09/2015.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.