Consultor Jurídico

Emenda constitucional

'Novos TRFs aproximarão Justiça Federal dos cidadãos'

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcus Vinícius Furtado Coêlho, classificou a criação de quatro novos Tribunais Regionais Federais no país como medida fundamental para aproximar a Justiça Federal dos cidadãos. “Quanto mais próxima a Justiça da sociedade que é julgada, melhor para a prestação jurisdicional. Esse é o ganho principal dos novos tribunais”, afirmou, ao discursar na tribuna do Senado, durante a sessão de promulgação da Emenda Constitucional 73, resultante da Proposta de Emenda à Constituição 544 de 2002, que estabelece a instalação das novas cortes, com sedes em Minas Gerais, Bahia, Amazonas e Paraná.

Segundo Marcus Vinícius, a promulgação da Emenda 73 é uma vitória da cidadania, da democracia e também da competência do Congresso Nacional de representar a sociedade na edição de atos legislativos. “Os congressistas que aqui se encontram foram eleitos diretamente pelo voto popular. A eles cabe a alta responsabilidade de legislar, de dizer ao país quais normas devem ser cumpridas e quais normas o STF deve interpretar”, disse, enaltecendo o trabalho dos deputados e senadores para que a criação dos TRFs fosse aprovada.

O presidente da OAB também falou sobre as críticas de que o Congresso teria extrapolado suas funções ao propor a mudança na Constituição para que os tribunais fossem criados. “Esses tribunais foram criados da mesma forma que a Emenda Constitucional 45 criou o Conselho Nacional de Justiça e o Conselho Nacional do Ministério Público. Quem litigar contra esta PEC, tem que entender da sua alta responsabilidade de também estar litigando contra o CNJ e contra o CNMP”, argumentou, ao refutar a possibilidade de inconstitucionalidade levantada por opositores ao projeto.

Atualmente, a Justiça Federal está dividida em cinco regiões. Apenas o TRF-1, por exemplo, engloba 13 estados mais o Distrito Federal. Com a Emenda 73, quando todos os tribunais estiverem implantados, a estrutura da Justiça Federal ficará assim: TRF 1ª Região — Amapá, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Piauí e Tocantins; TRF 2ª Região — Rio de Janeiro e Espírito Santo; TRF 3ª Região — São Paulo; TRF 4ª Região — Rio Grande do Sul; TRF 5ª Região — Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte; TRF 6ª Região — Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul; TRF 7ª Região — Minas Gerais; TRF 8ª Região — Bahia e Sergipe; e TRF 9ª Região — Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima.

Pela OAB, também participaram da sessão de promulgação da Emenda, sob o comando do presidente interino da Câmara, deputado André Vargas (PT-PR), o conselheiro federal pelo Paraná (suplente) Flávio Pansieri e o presidente da Seccional da OAB do Paraná, Juliano Breda. Com informações do Conselho Federal d'a OAB.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 10 de junho de 2013, 13h02

Comentários de leitores

3 comentários

Ilegitimidade

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

É preciso esclarecer que o Advogado Marcus Vinícius Furtado Coêlho ocupa ILEGITIMAMENTE o cargo de Presidente do Conselho Federal da OAB, tendo chegado ao poder através de uma série de conchaves e troca de favores, SEM A PARTICIPAÇÃO DOS ADVOGADOS brasileiros (não é eleito pelo voto direto). Assim, essa defesa feita pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil não representa a opinião ou o posicionamento dos advogados brasileiros, que em sua maioria repudiam a criação de cargos sem necessidade.

mais um cabide de emprego

analucia (Bacharel - Família)

mais um cabide de emprego para juizes serem promovidos e advogados na Capital aumentarem o seu mercado de trabalho.
o pior de tudo é a mentira que fazem e escondem que a União recorre de quase tudo para o STJ e STF,logo mais TRF não resolve nada, pois fica parado no STF e STJ.

Inicio é bom após criticas após cobrança

caiubi (Outros)

No inicio tudo é festa, depois vem a critica , depois a cobrança. Pessoas que não tiveram oportunidade agora terão para brigar por seus direitos, logo novos clientes para os TFs, e fica tudo entupido.
espero que o abaixo não ocorra mais, ou que pelo menos amenize. 07 anos de espera acredito muito serviço e poucos funcionários e julgadores.
04/09/2008 17:04:40 PUBLICAÇÃO DE ATA - DIÁRIO ELETRÔNICO DO DIA 03/09/2008
"................."
1 19/06/2007 09:22:50 DISTRIBUIÇÃO POR SORTEIO

Comentários encerrados em 18/06/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.