Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Luto no Judiciário

Morre Denise Arruda, ministra aposentada do STJ

Morreu na tarde desta quinta-feira (12/12), em Curitiba, a ministra aposentada do Superior Tribunal de Justiça Denise Arruda, que atuou no STJ entre 2003 e 2010. Ela tinha 72 anos e a causa foi falência múltipla dos órgãos. O presidente do TJ-PR, desembargador Guilherme Luiz Gomes, decretou luto oficial de três dias nas repartições judiciárias do Paraná.

Natural de Guarapuava (PR), Denise Martins Arruda formou-se pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Paraná em 1963. Após três anos atuando como advogada, ingressou na magistratura em 1966. Ela chegou ao Tribunal de Alçada do Paraná em 1993, passou ao TJ-PR em 2002 e, um ano depois, tornou-se a quarta mulher a assumir uma cadeira no Superior Tribunal de Justiça. Em 2008, a ministra assumiu a presidência da 1ª Turma do STJ. Aposentou-se em abril de 2010.

O presidente do STJ, ministro Félix Fischer, viajou ao Paraná para o velório. Ele afirmou que a ministra tinha como qualidades a sensibilidade, a amizade e a harmonia no convívio com os demais ministros. Já Teori Zavascki, que conviveu com Denise Arruda no STJ e que atualmente integra o Supremo Tribunal Federal, definiu a ex-colega como “uma juíza dotada de especial vocação para o ofício, por sua seriedade, saber jurídico e bom senso”. Com informações da Assessoria de Imprensa do STJ.

Revista Consultor Jurídico, 13 de dezembro de 2013, 16h08

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 21/12/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.