Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Luto na magistratura

Morre Aniceto Lopes Aliende, ex-presidente do TJ-SP

Morreu na noite desta quarta-feira (4/12) o desembargador Aniceto Lopes Aliende, presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo no biênio 1990/1991. O corpo será velado até as 14h desta quinta-feira (5/12), no Palácio da Justiça de onde seguirá para o Crematório Municipal Dr. Jayme Augusto Lopes.

O atual presidente do TJ-SP, Ivan Sartori, declarou luto oficial por três dias, hasteando-se a meio mastro a bandeira nacional na sede do Tribunal de justiça e nas demais Unidades do Poder Judiciário do Estado.

Em nota, a Presidência do Tribunal de Justiça, o quadro de magistrados e os servidores do Judiciário prestaram os sentimentos aos familiares, amigos e integrantes da magistratura e agredeceram ao desembargador Aniceto Lopes Aliende pelo muito que fez em prol do Poder Judiciário de São Paulo.

Em entrevista à revista Consultor Jurídico, em 2012, o ministro do Supremo Tribunal Federal Cezar Peluso elogiou a vocação de Aliende para ser juiz. Ao citar uma breve relação de profissionais que deixaram a advocacia para seguir sua vocação de magistrado, Peluso afirmou que “Aniceto Lopes Aliende, que veio de Presidente Prudente, é um desembargador dos mais brilhantes do tribunal”.

Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), o desembargador ingressou na magistratura em 1952. Chegou ao Tribunal de Justiça de São Paulo como desembargador em 1979, onde foi 3º vice-presidente (1986/1987), 1º vice-presidente (1988/1989) e presidente (1990/1991).

Também foi autor das seguintes publicações: Questões sobre alimentos; O ponto de vista da Justiça Estadual; Competência. Conflitos de competência. Exceções de impedimento e de suspeição do Juiz; Recrutamento de Magistrados; e Homenagem a Antonio Carlos Alves Braga.

Revista Consultor Jurídico, 5 de dezembro de 2013, 13h17

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 13/12/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.