Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Segurança institucional

Magistrados do Maranhão participam de curso nos EUA

Desembargadores, juízes e servidores do Tribunal de Justiça do Maranhão vão participar de um curso de segurança em Orlando, nos Estados Unidos. O primeiro grupo, de 20 participantes, começou a capacitação na segunda-feira (1º/4). Nos próximos cinco dias, eles terão aulas práticas e teóricas sobre segurança pessoal e no ambiente de trabalho. 

O curso nos EUA inclui palestras, vídeo-conferência e visitas à penitenciárias e cortes da Flórida. O objetivo é conhecer como os norte-americanos mantêm padrões de segurança nos fóruns em situações de julgamento de crimes com a presença de público e no tratamento às partes. Um novo grupo de 20 pessoas será enviado aos EUA no próximo dia 6 de abril. 

De acordo com o coordenador do curso, juiz Paulo de Assis Ribeiro, a formação foi sugerida pelo presidente do TJ-MA, desembargador Guerreiro Júnior, que conheceu detalhes sobre o treinamento em 2012, no Rio de Janeiro, durante Encontro de Presidentes de Tribunais de Justiça. O TJ-RJ é o idealizador do procedimento de segurança de magistrados. O TJ-MA é o segundo no país a aderir ao treinamento.

A experiência no exterior ainda é considerada um projeto-piloto. Caso seja aprovada pelo TJ-MA, haverá um calendário anual de cursos. "A proposta do presidente é que todos os magistrados façam o curso nos próximos anos", afirma Assis.

Em março, o TJ-MA promoveu treinamento a 20 magistrados sobre uso de armamento, acionamento do gatilho e decisão de tiro. As aulas aconteceram na Academia de Polícia Militar do estado. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-MA.

Revista Consultor Jurídico, 2 de abril de 2013, 18h46

Comentários de leitores

1 comentário

Turismo

Zé Machado (Advogado Autônomo - Trabalhista)

Forma bem disfarçada de se fazer turismo, certamednte suportada pelo erário. É muita cara de pau.É muita pouca vergonha.Imaginem todos os servidores do judiciário e magistrados fazendo tal turisminho, quanto vai custar. Depois vem a classe política no mesmo caminho, e a segurança no país continua o mesmo abacaxi de sempre.

Comentários encerrados em 10/04/2013.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.