Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novo conselheiro

Emmanuel Pereira é representante da Câmara no CNJ

advogado Emmanuel Campelo de Souza Pereira - 18/06/2012 [CNJ]O advogado Emmanuel Campelo de Souza Pereira (foto) foi nomeado pela presidente Dilma Roussef para integrar o Conselho Nacional de Justiça nesta segunda-feira (18/6). Ele foi indicado pela Câmara dos Deputados à vaga do conselheiro Marcelo Nobre, que concluiu seu segundo mandato em maio. Emmanoel Campelo Pereira é filho do ministro Emmanoel Pereira, do Tribunal Superior do Trabalho.

A posse no cargo será feita pelo presidente do CNJ, ministro Ayres Britto, em data ainda a ser marcada. Pereira nasceu em 28 de janeiro de 1981, em Natal, e se formou em Direito em 2004, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Quatro anos mais tarde, terminou seu mestrado na Universidade Católica de Brasília, com a apresentação da dissertação: “Criminalidade organizada transnacional: Os limites entre os delitos de lavagem de dinheiro e receptação”.

Campelo também é reconhecido por advogar em tribunais superiores e por ter sido assessor parlamentar da Câmara entre 2008 e 2011. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Revista Consultor Jurídico, 18 de junho de 2012, 21h03

Comentários de leitores

1 comentário

CNJ - Idade mínima 35 anos, art. 103-B, CF

J. Ribeiro (Advogado Autônomo - Empresarial)

A reportagem informa que o advogado nomeado para CNJ nasceu em 28/01/1981, ou seja, tem 31 anos. Mas segundo o art. 103-B, CF, a idade mínima é 35 anos.
Será que não está havendo algum engano?

Comentários encerrados em 26/06/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.