Consultor Jurídico

Oportunidade a vista

Estão abertas inscrições para concurso do STJ

Estão abertas, a partir desta quarta-feira (22/2), as inscrições para o concurso público do Superior Tribunal de Justiça. As vagas são de analista e técnico judiciário, além de formação de cadastro de reserva, com remuneração de R$ 4.052,96 a R$ 6.611,39. O prazo para se inscrever termina no dia 16 de março e as provas estão previstas para ser aplicadas em 6 de maio. 

O concurso irá selecionar candidatos de nível superior para os cargos de analista judiciário, área judiciária, com 16 vagas, sendo uma reservada para candidatos portadores de deficiência; e para analista judiciário, apoio especializado, com cinco vagas para a especialidade biblioteconomia, uma reservada para portadores de deficiência; três vagas para a especialidade medicina, com duas vagas para o ramo clínica médica e uma para o ramo psiquiatria; e uma vaga para a especialidade psicologia. Para os candidatos de nível médio, existem três vagas para o cargo de técnico judiciário, especialidade telecomunicações e eletricidade. 

A ficha de inscrição está disponível no site do Cespe/UnB, assim como o edital do concurso. A taxa de inscrição é de R$ 50 para técnico judiciário e R$ 80 para analista judiciário. Com informações da Assessoria de Imprensa do STJ.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 22 de fevereiro de 2012, 18h47

Comentários de leitores

2 comentários

Excelente Trampolim (só corrigindo)

D4NieL (Servidor)

Ambos os cargos são excelentes para ganhar tempo de atividade aos que almejam cargos de membro de Tribunal ou MP. Nada mais!
"Carreira" com salários miseráveis desses, sem correção há anos, quem vai querer permanecer?
Enquanto isso, no outro Poder, o Legislativo, os servidores ganham o triplo para uma jornada de 6 horas...
As "carreiras" de analista e técnico de Tribunais e de MPs estão desvalorizadas nos dias de hoje. Logo, logo, creio eu, corre-se o risco de serem terceirizadas, principalmete técnico. Aliás, acho que num estado do Sul é.

Excelente trampolim

D4NieL (Servidor)

Ambos os cargos são excelentes para ganhar tempo de atividade aos que almejam cargos de membro de Tribunal ou MP. Nada mais!
"Carreira" com salários miseráveis desses, sem correção há anos, quem vai querer permanecer?
Enquanto isso, no outro Poder, o Legislativo, os servidores ganham o triplo para uma jornada de 6 horas...
As "carreiras" de analista e técnico de Tribunais e de MPs estão desvalorizadas nos dias de hoje. Logo, logo, creio eu, corre-se o risco de serem terceirizadas, principalmete técnico. Aliás, acho que no num estado do Sul é.

Comentários encerrados em 01/03/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.