Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

LUTO NA MAGISTRATURA

Desembargador aposentado do TJ gaúcho é enterrado

O sepultamento do desembargador aposentado do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, Sebastião Adroaldo Pereira, ocorreu nesta quinta-feira (23/6), às 11 horas da manhã, no Cemitério São Miguel e Almas, em Porto Alegre. Aos 95 anos, o desembargador aposentado faleceu na madrugada de quarta-feira (22/6),  no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. 

Sebastião Adroaldo Pereira é pai do desembargador Marcelo Bandeira Pereira e dos procuradores de Justiça Miguel Bandeira Pereira e Roberto Bandeira Pereira. Deixa também os filhos Rogério Bandeira Pereira e Magáli Pereira Duarte.

Natural de Venâncio Aires, Sebastião Adroaldo Pereira seguiu longa carreira na Justiça Estadual. Formou-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela UFRGS, em 1947. Tomou posse como juiz de Direito em junho de 1951. Atuou nas comarcas de Marcelino Ramos, Novo Hamburgo, Quaraí, Rio Pardo e Porto Alegre. Em abril de 1971, foi promovido a juiz do Tribunal de Alçada, integrando a primeira composição do colegiado. Foi presidente em 1975. Nesse mesmo ano, foi promovido a desembargador do Tribunal de Justiça. Presidiu a 1ª Câmara Criminal. Aposentou-se em janeiro de 1986. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-RS.

Revista Consultor Jurídico, 23 de junho de 2011, 18h36

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 01/07/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.