Consultor Jurídico

Dois em um

Duas ações sobre Ficha Limpa vão ter rito abreviado

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, decidiu aplicar o rito abreviado em duas ações sobre a Lei da Ficha Limpa. Com isso, a Ação Direta de Inconstitucionalidade e a Ação Declaratória de Constitucionalidade serão julgadas diretamente no mérito, sem apreciação da liminar, devido à relevância da matéria.

De acordo com Fux, o tema “ostenta inegável relevância social, porquanto em jogo a validade de lei complementar, fruto de manifestação direta do povo brasileiro com a finalidade de moralizar o cenário político”. Ele entende que a questão deve ser julgada definitivamente antes do processo eleitoral de 2012 em razão da segurança jurídica. O ministro determinou a tramitação conjunta das duas ações, já que têm o mesmo objeto.

Na ADI, a Confederação Nacional das Profissões Liberais (CNPL) questiona o dispositivo da Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010) que declara inelegível quem for excluído do exercício da profissão por decisão de conselho profissional. Para a entidade, a determinação é inconstitucional porque os conselhos profissionais são órgãos de estrita fiscalização da atividade profissional, “motivo pelo qual as sanções que, eventualmente, são aplicadas a seus fiscalizados não podem desbordar de seu universo corporativo”.

Autor da ADC, o Partido Popular Socialista (PPS) pede que seja reconhecida a validade da lei e sua aplicação para fatos ocorridos antes de sua vigência, nas eleições de 2012. Para o partido, isso não causaria qualquer prejuízo ao princípio da irretroatividade das leis e da segurança jurídica. Com informações da Assessoria de Imprensa do Supremo Tribunal Federal.

ADI 4.578
ADC 29




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 29 de abril de 2011, 21h45

Comentários de leitores

1 comentário

Duas ações sobre Ficha Limpa vão ter rito abreviado

huallisson (Professor Universitário)

O ministro Luis Fux que determinou a substituição de 189 homens de bem por fichas sujas: corruptos, bandidos, malfeitores e tudo quanto é praga, agora quer apressar o envio dessa corja para fazer leis e comandar a nossa gente! Parabéns,ministro! Hitler também fez isto.Segurança jurídica,BRASILEIRA, é isso aí....Nós gostamos de v.......

Comentários encerrados em 07/05/2011.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.