Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Direito e Desenvolvimento

Concurso de monografias tem prêmio de R$ 150 mil

O Prêmio Mendes Júnior de Monografias Jurídicas chama a atenção, sobretudo, pela premiação. O ganhador do primeiro lugar vai levar para casa R$ 150 mil. Promovido pela Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, com apoio da Mendes Júnior Participações S.A., o concurso vai escolher os melhores trabalhos com o tema Direito e Desenvolvimento.

Serão premiadas cinco monografias, com a premiação mínima de R$ 30 mil. Podem se inscrever estudantes de Direito que estejam, no mínimo, no quarto ano de graduação em 2010, ou egressos que tenham obtido grau de bacharel a partir de 1º de janeiro de 2005.

Ary Oswaldo Mattos Filho, diretor da faculdade, explica que o prêmio trata de um impasse. “O Prêmio Mendes Junior é muito importante, não só pelo valor inusitado que ele paga, mas também por colocar em discussão um assunto crucial para este país, que é o cumprimento dos contratos ou a quebra da lei face à situação julgada pelo poder político. Qual deve prevalecer?” 

Só poderão concorrer monografias inéditas, originais e de autoria do candidato inscrito. É proibida a entrega de trabalhos apresentados em publicações ou em concursos anteriores, mesmo que de forma parcial. O formato de coautoria é permitido desde que sejam dois os autores e que ambos estejam inscritos.

A linha de pesquisas da Direito GV parte do pressuposto de que o desenvolvimento econômico, político e social de um país recebe influências negativas e positivas das instituições. Outras informações sobre o prêmio podem ser obtidas no site da faculdade.

Revista Consultor Jurídico, 8 de outubro de 2010, 8h02

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/10/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.