Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Crime eleitoral

Mato Grosso tem 40 detidos e 21 urnas substituídas

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso informou que foram detidas no estado 40 pessoas por crimes eleitorais, principalmente, de boca de urna. Segundo a Agência Brasil, uma pessoa e um veículo foram detidos na madrugada deste domingo (3/10) por lançarem panfletos nos locais de votação.

No interior também foram apreendidos materiais de campanha que seriam lançados na frente das escolas que têm sessões eleitorais. O TRE de Mato Grosso também informou que 21 urnas apresentaram defeitos e foram substituídas. Mato Grosso tem cerca de 3 milhões de eleitores, dos quais 2 milhões estão aptos a votar.

Irregularidades
De acordo com boletim divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral no período da manhã, já foram registrados 103 casos de irregularidades nas eleições, que resultaram em 42 prisões. A maioria se deve a propaganda eleitoral irregular, que teve 53 casos que resultaram em 14 detenções. Mas a quantidade real é ainda maior, de acordo com tribunais regionais.

Revista Consultor Jurídico, 3 de outubro de 2010, 14h50

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 11/10/2010.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.