Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Equipe da presiência

Rubens Rihl é o novo juiz auxiliar do CNJ

O Conselho Nacional de Justiça tem novo juiz auxiliar: Rubens Rihl, juiz substituto em segundo grau do Tribunal de Justiça de São Paulo. Com 24 anos de carreira, graduou-se pela PUC-SP. Paulista da capital, assumiu diversas competências, nas áreas cível, criminal, da infância e da juventude, eleitoral, administrativa e trabalhista, quando a Justiça Estadual ainda exercia essa atividade, em apoio à Justiça do Trabalho. Ele vai atuar como juiz auxiliar da presidência nos diversos programas em andamento no CNJ.

O juiz foi corregedor de presídios e da Polícia Judiciária na cidade de Diadema (Grande São Paulo) e cuidou também do Tribunal do Júri. Na área da criança e do adolescente, entre 1998 e 2005, esteve à frente da 1ª Vara Especial da Juventude, para tratar especificamente de adolescentes em conflito com a lei, além de auxiliar o Departamento de Execuções da Infância e da Juventude em inspeções à antiga Febem.

Desde 1998, Rubens Rihl é auxiliar da presidência do TRE de São Paulo nos períodos eleitorais e, desde 2005 integrava a 8ª Câmara de Direito Público do TJ-SP. Foi secretário-geral da Escola Paulista da Magistratura, no período de 1999 e 2002 e um dos idealizadores do Centro de Apoio ao Direito Público (Cadip), um órgão do Tribunal de São Paulo de auxílio aos juízes e desembargadores que atuam na área.

O juiz Rubens Rihl foi integrante da Assessoria de Assuntos Legislativos e integrante do Núcleo de Gestão e Planejamento do Tribunal de Justiça de São Paulo. Com informações da Assessoria de Imprensa do CNJ.

Revista Consultor Jurídico, 23 de outubro de 2009, 16h20

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 31/10/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.