Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Luto no Direito

Morre aos 88 anos o professor J. J. Calmon de Passos

O professor José Joaquim Calmon de Passos, um dos maiores pensadores do direito brasileiro, morreu na madrugada deste sábado (18/10) em Salvador. Aos 88 anos, ele foi vítima de um infarto no miocárdio.

Natural de Salvador, Calmon de Passos era professor emérito da Faculdade de Direito da Universidade Federal da Bahia, livre-docente da Faculdade de Ciências Econômicas da mesma universidade, e coordenador do curso de especialização em Processo do Centro de Cultura Jurídica da Bahia.

Ele foi membro da Academia de Letras Jurídicas da Bahia. Antes de se aposentar pelo Ministério Público, ele chegou ao ápice da carreira chefiando a instituição em seu estado. Também foi presidente da OAB da Bahia.

Entre as suas principais obras estão os livros Comentários ao Código de Processo Civil, Esboço de uma teoria das nulidades aplicada às nulidades processuais e Direito, poder, justiça e processo: julgando os que nos julgam.

O corpo de Calmon de Passos está sendo velado na Capela do cemitério Jardim da Saudade, onde acontecerá o enterro às 17h.

Em nota oficial, a OAB lamentou a morte de Calmon de Passos. “Sua morte, aos 88 anos, o coloca no panteão do direito em nosso país, ao lado dos maiores jurisconsultos, que elevaram a prática dessa ciência em nosso âmbito. A OAB sente-se órfã com o seu desaparecimento”, afirmou Cezar Britto, presidente da entidade.

Revista Consultor Jurídico, 18 de outubro de 2008, 16h45

Comentários de leitores

4 comentários

Estive no último Congresso onde o grande mestre...

Jefferson Garcia (Estagiário - Financeiro)

Estive no último Congresso onde o grande mestre Calmon de Passos palestrou, foi o III Congresso do Instituto Nacional de Direito - "Os Arautos do Processo em Marilia" em 11 de Setembro. Foi uma experiência inesquecível assistrir a palestra deste sábio, que irá fazer muita falta entre nós. Neste dia, Calmon proferiu uma frase célebre, e que estará gravada em minha monografia. Ele disse: " O Homem, é um animal que o próprio instinto abandonou". Me despeço, dizendo que toda e qualquer pessoa que assistiu uma aula ou palestra de Calmon nunca mais foi o mesmo.

Abre-se uma clareira no direito brasileiro, com...

DAGOBERTO LOUREIRO - ADVOGADO E PROFESSOR (Advogado Autônomo)

Abre-se uma clareira no direito brasileiro, com a ausência desse grande jurista baiano, cuja franqueza, sabedoria e profunda cultura jurídica, que nos passou por suas palestras, aulas e livros, ficarão para sempre em nossa memória. Que Deus o tenha! Dagoberto Loureiro OAB/ SP Nº 20.522

Assisti a sua última aula no Congresso em Salva...

Ley (Promotor de Justiça de 1ª. Instância)

Assisti a sua última aula no Congresso em Salvador, na véspera da sua morte, muito trsite!!

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 26/10/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.