Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Repúdio público

Associações se reúnem no Rio contra PEC da Bengala

Para contestar a PEC 457/05, que prevê o aumento de 70 para 75 anos a idade da aposentadoria compulsória de servidores públicos, a Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público vai promover um ato público na segunda-feira (9/6), às 17h, no auditório do Foro da Justiça Federal do Rio de Janeiro.

"A aposentadoria aos 70 anos garante um revezamento na ocupação das vagas dos Tribunais em tempo menor, o que favorece a renovação do posicionamento do Judiciário", afirma o presidente da Associação dos Juízes Federais (Ajufe), Walter Nunes, que é contra o projeto.

A perspectiva de votação da PEC 457 no Plenário da Câmara motivou seis associações a elaborar uma Nota Técnica, distribuída a todos os parlamentares.

Representantes da (Ajufe), da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), da Associação Nacional dos Magistrados do Trabalho (Anamatra), da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT), da Associação Nacional do Ministério Público Militar (ANMPM), entre outras entidades devem participar do evento. Segundo a Ajufe, o ato conta ainda com o apoio da Associação dos Magistrados do Brasil (AMB), da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp) e da OAB fluminense.

Serviço:

Ato Público contra a PEC 457

Data: 9 de junho (segunda-feira)

Horário: 17h

Local: Foro da Justiça Federal do Rio de Janeiro (Avenida Rio Branco, 243, 13º andar, Centro.

Revista Consultor Jurídico, 8 de junho de 2008, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/06/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.