Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Efeito cascata

CUT quer suspender reajuste do salário dos parlamentares

A Central Única dos Trabalhadores entrou com ação na Justiça Federal de Brasília para suspender o reajuste dos salários dos deputados e senadores. A ação popular é movida contra a União e os presidentes da Câmara, Aldo Rebelo (PC do B-SP), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). A CUT sustenta que o pagamento do aumento provocará lesão ao patrimônio público.

Outro argumento é de que a concessão do reajuste fere os princípios da moralidade administrativa e não é razoável. “É público e notório que há uma enorme crise financeira dos municípios brasileiros e que o erário não dispõe de recursos suficientes para o atendimento das necessidades mínimas da população brasileira”, afirmam os sindicalistas na ação.

Eles alegam ainda que a concessão de aumento apenas para parlamentares fere a isonomia que deve existir entre as remunerações dos diversos setores do funcionalismo público.


Revista Consultor Jurídico, 16 de dezembro de 2006, 7h00

Comentários de leitores

7 comentários

A construção de Brasília foi um dos maiores err...

Luiz Fernando (Estudante de Direito)

A construção de Brasília foi um dos maiores erros da história do Brasil. Ficam todos ilhados e fazendo verdadeiros bacanais com o dinheiro público (com perdão da má expressão, mas não encontrei outra). Se a capital fosse em SP ou RJ o povo já teria feito uma Revolução á la Francesa, reinaugurando a guilhotina.

Só discurso minha gente, só discurso, aguardem ...

Bira (Industrial)

Só discurso minha gente, só discurso, aguardem o desenrolar. Pelo jeito foi só um balão de ensaio, ai teremos herois e supostos vencidos com salarios de 16500 reais.

De nada nos servem os políticos, a não ser sust...

Roselane (Advogado Autônomo - Família)

De nada nos servem os políticos, a não ser sustentá-los.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 24/12/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.