Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Exame de Ordem

OAB-SP anula mais duas questões do 127º Exame de Ordem

Os beneficiados pela anulação de mais duas questões do 127º Exame de Ordem da OAB-SP vão poder fazer a segunda fase do teste em dezembro, quando a seccional paulista aplica a última prova do ano. Estarão habilitados os candidatos que, tenham somado 48 ou 49 pontos, sem contar as duas questões anuladas.

Em agosto, uma questão já havia sido anulada pela Comissão Permanente de Estágio e Exame de Ordem. Este ponto, porém, já foi incorporado ao exame. Agora, a Fundação Carlos Chagas terá de fazer a releitura ótica e atribuir outros dois pontos aos candidatos. Quem atingir os 50 pontos com a nova contagem, poderá fazer a segunda fase do Exame.

Neste exame, a nota de corte que era de 46 passou para 50 acertos, das 100 questões de múltiplas escolhas. Esta foi a primeira prova realizada no mesmo dia em todos os estados, menos no Rio de Janeiro. No estado de São Paulo, mais de 17 mil bacharéis fizeram o exame.

Questões anuladas

— Questões 74 e 96, nas provas tipo 1 e 2;

— Questões 75 e 91, nas provas tipo 3 e 4.


Revista Consultor Jurídico, 14 de outubro de 2005, 10h58

Comentários de leitores

1 comentário

Vejam o que ocorre com o exame de ordem. Um tes...

Paulo_Solu (Advogado Autônomo - Civil)

Vejam o que ocorre com o exame de ordem. Um teste que foi aplicado no mês de julho e só agora a Ordem divulgou que duas questões foram anuladas que somadas as duas anteriormente, também, anuladas, somam quatro. Veja a incoerência, se o bacharel tem quatro horas para responder as questões a Ordem precisa de 3 meses para resolver as mesmas questões e certamente isso se dá através de um grupo de discussão e por infindáveis reuniões. E a OAB acha que o teste não é difícil, trata só de coisas básicas, que os bacharéis que estão mal preparados. Que, aliás, isto é uma constante. Em todos os testes pelo menos duas questãoes são anuladas...Ora, se a nota de corte fosse 97 a Ordem não seria aprovada...

Comentários encerrados em 22/10/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.