Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Acusações sem provas

Promotor terá que indenizar advogado por danos morais

A decisão do Tribunal de Justiça da Bahia que manteve condenação contra um promotor de Justiça para que indenize um advogado por danos morais foi enaltecida pela seccional da Ordem dos Advogados do Brasil da Bahia.

O promotor foi condenado pelo juiz Marcelo Luiz Santos Freitas, da Vara Cível da Comarca de Paripiranga, a pagar R$ 17.432,34 por danos morais ao advogado Patrick Di Angeliz Carregosa Pinto. A sentença reconheceu que o promotor, em ofícios subscritos por ele e enviados a uma série de autoridades, atribuiu qualidades pejorativas ao advogado, causando o dano e atingindo, inclusive, suas prerrogativas profissionais.

Em julgamento em que se discutia a existência de crime de direção inabilitada, o promotor afirmou que Pinto “embolsava” o pagamento de honorários e que se utilizava indevidamente da miséria e ignorância de motoqueiros.

A relatora do recurso no Tribunal de Justiça baiano, desembargadora Rosita de Almeida Maia, afirmou que “não restam dúvidas de que a intenção do apelante (o promotor) era atentar contra a dignidade e a honra do apelado, proferindo acusações, diante da total ausência de provas concretas”.

Para o presidente da OAB-BA, Saul Quadros, julgados como este reconhecem que entre advogados, juízes e promotores, não existe hierarquia. “Deve prevalecer entre eles o princípio do respeito recíproco. Essa decisão do TJ-BA é histórica. Prestigia a advocacia e preserva o próprio Ministério Público do desregramento de uns poucos de seus integrantes”, afirmou Saul. Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB.

Revista Consultor Jurídico, 9 de maio de 2012, 2h48

Comentários de leitores

3 comentários

MP deve maneirar

Pek Cop (Outros)

Ja fui ofendido em parecer onde a procuradora diz que sou "loroteiro e tudo não passa de fruto de minha imaginação", isto fato que eu vivenciei e um procurador disse quererá "achacador" quase que eu parti para vias de fato. Por favor srs. Promotores e procudores vamos maneirar com as ofensas...Pek

e se fosse ao contrário?

Rogerio Beze (Advogado Sócio de Escritório)

Com certeza teríamos um indenização de seis dígitos ...

Cabe recurso

Marcos Alves Pintar (Advogado Autônomo - Previdenciária)

A decisão deve ainda passar pelas Cortes Petistas (STF e STJ), cuja atuação política nos últimos anos é amplamente voltada a perseguir a qualquer custo e a qualquer preço os advogados a fim de que o regime de dominação do Partidos dos Trabalhadores seja amplo e absoluto.

Comentários encerrados em 17/05/2012.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.