Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Radiador terrorista

Protógenes diz que sofreu atentado no Rio

Por 

O delegado da Polícia Federal Protógenes Queiroz informa em seu Blog ter sido vítima de um atentado na última quinta-feira (15/1). Segundo a descrição do delegado, quando se dirigia do Jardim Botânico, no Rio de Janeiro, para Niterói, pouco antes de chegar à Ponte Rio-Niterói,  o radiador de seu carro explodiu. O painel do carro também explodiu, causando queimaduras de primeiro grau em seus pés e lesões pelo corpo. Diante da gravidade dos ferimentos o delegado diz que procurou socorro em São Paulo, distante cerca de 450 quilômetros do local do crime.

O que poderia parecer um simples acidente é tratado pelo intrépido delegado como um grave acidente. Sem fazer uma acusação direta, ele faz menção em seu post ao banqueiro “Daniel Dantas e comparsa”, a quem ele próprio elegeu como seu arqui-inimigo.

Protógenes Queiroz comandou até julho do ano passado as investigações de supostos crimes financeiros contra o banqueiro. No curso das investigações o banqueiro chegou a ser preso pro duas vezes, mas por força de Habeas Corpus concedido pelo Supremo Tribunal Federal foi colocado em liberdade. Dantas acabou condenado a 10 anos de prisão e pagamento de multa por corrupção ativa. A sentença é do juiz Fausto de Santis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo. A esta altura, Protógenes já estava afastado das investigações, acusado de cometer graves irregularidades.

De acordo com a notícia do blog, o delegado passa bem e está se recuperando em sua casa.

Leia a notícia do Blog do Protógenes

ATENTADO AO PROTÓGENES

janeiro 17th 2009 Posted to Sem categoria

Comunico ao povo brasileiro e aos internautas que no dia 15 de janeiro de 2009, por volta das 15:00hs. sofri o primeiro atentado quando dirigia um automóvel deslocando do Jardim Botânico com destino a Niterói, ato contíuno ainda no JB o radiador de água quente explodiu causando uma nuvem de fuça muito grande e explosão do painel do veículo. Resultado sofri queimaduras de primeiro grau nos pés e lesões pelo corpo. Sai imediatamente do Rio de Janeiro com destino a São Paulo onde fui imediatamente socorrido, por medida de segurança. No momento estou em casa me recuperando do trauma. Tenho como testemunha do ocorrido a fraterna amiga Silvia Calmon ( pisicanalista) , os populares que me socorreram e meus padrinhos Jose Zelman e Nelia Maria Zelman.  

(...)

Recomendação aos incautos: Não pratiquem nada contra mim, não adianta os individuos do mal vir contra ao cidadão de bem, vão ter que praticar atentados em mais de duzentos milhões de basileiros indignados e façam bem feito, para não ocorrer da forma como aconteceu com Protógenes no dia 15 de Janeiro do corrente ano. Desejo ao Daniel Dantas e comparsa SAÚDE e PAZ que a verdade se revelará.

 é diretor de redação da revista Consultor Jurídico

Revista Consultor Jurídico, 17 de janeiro de 2009, 12h44

Comentários de leitores

9 comentários

Esse Delegado suportaria uma missão da DAS????

Ramiro. (Advogado Autônomo)

Fico a me perguntar se o tão intrépido delegado federal suportaria uma missão de resgate e estouro de cativeiro de sequestro das muitas praticas pelas equipes da DAS(Divisão Anti-Sequestro) da PCERJ??? Debaixo de fogo cerrado de AK-47 em vielas de favelas... Mas Delega da PF é outro status...
Ou o "intrépido delegado" acusará o banqueiro Daniel Dantas de estar subornando oficinas mecânicas para sabotarem radiadores?

PSICOTÉCNICO

JETHRO SILVA JUNIOR  (Advogado Autônomo)

Perguntar não ofende... o dr. delegado foi regularmente aprovado nos testes psicotécnicos quando do concurso para o DPF ????

Falha da Abin

Sergio Mantovani (Advogado Associado a Escritório)

O radiador ficou revoltado com algum aditivo colocado pela ABIN

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 25/01/2009.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.