Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Novidades na advocacia

Coordenação do Fenalaw 2008 espera receber 4 mil visitantes

A Feira de Serviços e Suprimentos Jurídicos (Fenalaw), deste ano, deve receber cerca de quatro mil visitantes. A feira, tradicionalmente traz soluções e novidades em produtos e serviços para escritórios e advogados, será realizada nos dias 7 a 9 de outubro, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo.

A consultora Anna Luiza Boranga, idealizadora e coordenadora da Fenalaw, o perfil do público nas feiras anteriores foi composto por 47,43% de advogados e 12,71% de estudantes. Do total dos visitantes, 14,20% são de administradores de departamentos jurídicos, administradores de escritórios e advogados de departamentos jurídicos. Os 25,65% restantes exercem outras funções.

Paralelamente, a Fenalaw vai promover um congresso com o debate de temas importantes. Convidados do Brasil e do exterior vão falar sobre a administração de escritórios de advocacia, defesa da concorrência, oportunidades de negócios, criminalidade na era da tecnologia, o relacionamento entre imprensa e advocacia, arbitragem, sistema tributário, entre outras questões.

Entre os participantes estão o diretor da Faculdade de Direito da USP, João Grandino Rodas, os advogados Ives Gandra da Silva Martins e Arnold Wald, o ex-secretário da Receita Federal, Everardo Maciel, os jornalistas Márcio Chaer, diretor da revista Consultor Jurídico, Cristine Prestes, do Valor Econômico e Tiago Lethbridge, da Revista Exame.

“A OAB SP se orgulha em ser parceira em mais esta edição da Fenalaw, porque a feira se tornou uma aliada dos advogados. Ela é importante para os escritórios maiores, que já estão bem estruturados e bem administrados, porque cria um momento de troca de experiência, buscando sempre o aperfeiçoamento administrativo. E, para os jovens advogados, que estão montando o primeiro escritório, possibilita a oportunidade de aprender o ABC de como se organiza uma sociedade de advogados”, afirma. o presidente da Ordem paulista, Luiz Flávio Borges D’Urso.

Revista Consultor Jurídico, 6 de julho de 2008, 1h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 14/07/2008.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.