Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Concurso para juiz

Candidato a juiz é eliminado por levar celular para prova

A banca examinadora do 53º Concurso para Juiz Substituto de Goiás eliminou um candidato que estava com um celular durante as provas de Direito Tributário e Direito Administrativo. A prova foi feita no dia 13 de setembro, na Escola Superior da Magistratura.

Segundo o secretário do concurso, Hernani César Neves de Oliveira, a eliminação cumpriu determinação do edital. O item 1.6.2 diz que o candidato será sumariamente eliminado durante as provas se “portar armas, relógio digital, telefone celular, pager, bipe, calculadora, controle eletrônico, transmissor, receptor de mensagem de qualquer tipo ou qualquer outro equipamento eletrônico, bem como óculos escuros, chapéu, boné, gorro ou qualquer acessório de chapelaria, no recinto da prova”.

Oliveira explicou que o fiscal viu o candidato com o celular e que ele tinha ido ao banheiro com o aparelho diversas vezes. Quando ele entregou a prova, por volta das 18h, foi feita uma ata eliminando a sua candidatura.

Na segunda fase concurso (provas discursivas), participaram 216 candidatos. Dos 221 convocados, três não compareceram. No dia 2 outubro, o plenário do Órgão Especial do Tribunal de Justiça de Goiás fará uma sessão pública para a identificação das provas.

Dois dias depois, será divulgada a lista de classificados que estará disponível no site do TJ, a partir das 7h. Eles poderão participar das provas de sentença. No dia 22 de outubro, o tema será civil e, no dia seguinte, penal. São nove vagas disponíveis de juiz substituto. O número pode aumentar dependendo da necessidade da Justiça estadual.

Revista Consultor Jurídico, 20 de setembro de 2007, 0h00

Comentários de leitores

4 comentários

Achei que o comentário foi muito bem humorado, ...

Alexandre Barros (Advogado Sócio de Escritório)

Achei que o comentário foi muito bem humorado, isso sim. Nenhuma crítica. Por outro lado, o tal candidato eliminado é muito imbecil, credo!

Cara "Vivi" Concordo com seu comentário. As ...

Fernando Queiroz (Advogado Autônomo)

Cara "Vivi" Concordo com seu comentário. As críticas devem ser construtivas, a fim de elevarmos o grau de aprendizado, portanto, creio que devamos encaminhar a pessoa ao SOBRAL(aquilo que sobrou do mobral), em especial na área de matemática. Um cálculo Helementar não merece o absurdo!!!

Nobre colega, Creio que todos tem o direito...

vivi (Estudante de Direito)

Nobre colega, Creio que todos tem o direito de errar de vez em quando, e nem por isso merecem críticas em tom tão "debochado". Sugiro críticas mais construtivas que elevem o grau de aprendizado e conhecimento da próxima vez.

Ver todos comentários

Comentários encerrados em 28/09/2007.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.