Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Reforço trabalhista

Cidade de São Paulo ganha mais 11 Varas do Trabalho

Nesta sexta-feira (6/1), a juíza Dora Vaz Treviño, presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (São Paulo), irá inaugurar 11 novas Varas do Trabalho na cidade de São Paulo. Nenhuma nova vara era instalada na cidade desde 1994.

As varas — da 80ª à 90ª — foram criadas pela Lei 10.770/03 e funcionarão no Fórum Trabalhista Ruy Barbosa, onde já estão instaladas as outras 79 Varas do Trabalho da Capital.

A solenidade de instalação das 11 novas varas acontece às 17 horas, no Fórum Trabalhista "Ruy Barbosa", na avenida Marquês de São Vicente, 235. As seis primeiras varas de São Paulo — da 1ª à 6ª — foram instaladas em 1941. Naquele ano, o número de processos era bem menor e somava 5.245 ações.

No ano de 2005, as 79 varas da cidade de São Paulo receberam cerca de 250 mil novos processos. Ao longo dos últimos 65 anos, desde que as varas do trabalho foram instaladas na cidade, foram ajuizadas mais de 6,2 milhões de ações trabalhistas.

Revista Consultor Jurídico, 5 de janeiro de 2006, 15h33

Comentários de leitores

1 comentário

Com a devida vênia, o TRT-SP tenta desviar a at...

fortuna (Bacharel - Criminal)

Com a devida vênia, o TRT-SP tenta desviar a atenção das mazelas da Justiça do Trabalho com esse tipo de notícia, pois aumentar para mais 11 Varas do Trabalho não vai apagar a imagem deixada pela "grande" história da Justiça do Trabalho e nem vai melhorar grande coisa na demora, pois o que significa mais 11 Varas para uma Cidade como São Paulo. Nada! Absolutamente nada! Melhor seria tomar medidas efetivas e punições das irregularidades denunciadas envolvendo, especialmente, autoridades do TR-SP. Grande notícia seria a Dra. Dora mostrar que puniu os responsáveis pela suspeita de distribuições dirigidas e licitações duvidosas. Aguardemos que a Dra. Dora venha a dar notícias de que providências efetivas estejam sendo tomadas no campo da ética. Inaugurações, parece coisa de eleições, com o devido respeito que merece a ilustre presidente do TRT-SP. Mas a questão, Senhora Presidente do TRT-SP, é mostrar o que tem sido feito para responsabilizar quem tem culpa, e não ficar fazendo promessas vagas e inaugurações eleitoreiras.

Comentários encerrados em 13/01/2006.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.