Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Faxina judicial

Banco desiste de 200 recursos na Justiça do Trabalho

O ABN Amro Real desistiu de 200 recurso apresentados ao Tribunal Superior do Trabalho, 65 deles ainda na fase de distribuição. No lote, estão incluídos recursos em que figuram como parte o Bandepe e o Sudameris, incorporados pelo banco.

A direção do ABN comunicou ao presidente do TST, ministro Vantuil Abdala, que a assessoria jurídica de Brasília foi orientada a examinar caso a caso a possibilidade de desistência de outros recursos nos quais não há esperança de êxito. Na última lista das empresas com maior número de processos no TST, de agosto de 2004, o ABN Amro Real aparece em 11º lugar, com o total de 3.565.

Desde a divulgação do primeiro ranking em 2003, já oficializaram a desistência de recursos o Itaú (975 recursos) a Caixa Econômica Federal (700) e o Bradesco (1.106). Este último já informou ao presidente do TST que pretende desistir de novos recursos. As informações são do TST.

A iniciativa dos bancos atende à expectativa do ministro Abdala com a divulgação do ranking. A finalidade da lista dos que mais recorrem, segundo ele, é estimular as empresas a buscar soluções para que “reduzam a litigiosidade e repensem suas estratégias jurídicas”.

Revista Consultor Jurídico, 13 de maio de 2005, 20h24

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 21/05/2005.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.