Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Mesa redonda

Busato participa de mesa redonda sobre modernidade no Judiciário

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Roberto Busato, participará da mesa redonda de encerramento do XVI Fórum Nacional do Instituto Nacional de Altos Estudos (Inae), que será no dia 20/5 no auditório do edifício do BNDES, no Rio de Janeiro.

O Fórum terá como tema "Economia do Conhecimento, Crescimento Sustentado e Inclusão Social" e tem como coordenador geral João Paulo dos Reis Velloso, que foi ministro do Planejamento no governo Geisel.

O evento será aberto às 14h30 do dia 17/5 pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que fará um pronunciamento sobre "Desenvolvimento e Inclusão Social". Até o dia 20 de maio serão realizados cinco painéis de discussão, abrangendo temas como Políticas Macroeconômicas: Evoluindo para o Crescimento Sustentado; Grandes Superávits de Comércio, Nova Política Industrial e Crescimento; O Crescimento Sustentado precisa do Mercado de Capitais; e O Modelo de Educação para a Economia do Conhecimento.

Vários ministros de estado foram convidados para participar dos painéis, entre eles o da Fazenda, Antônio Palocci; do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Luiz Fernando Furlan; e do Planejamento, Guido Mantega.

Também foram convidados para participar dos painéis o líder do Partido dos Trabalhadores no Senado, Aloizio Mercadante; o presidente da Confederação Nacional da Indústria, deputado Armando Monteiro; e os presidentes da Central Única dos Trabalhadores e da Força Sindical, Luiz Marinho e Paulo Pereira da Silva, respectivamente.

Busato debaterá sobre o tema "Dotar o Brasil de um Poder Judiciário Moderno". Além dele, participarão da mesa redonda de encerramento do Fórum o relator da Proposta de Emenda Constitucional da Reforma do Judiciário, senador José Jorge; o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), desembargador Cláudio Baldino Maciel; o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Quintella; e o economista Armando Castelar Pinheiro.

Após a mesa redonda, falarão sobre a modernização do Poder Judiciário o ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, e o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Nelson Jobim, encerrando o evento.

O Instituto Nacional de Altos Estudos foi criado em 1991 e tem como objetivo o debate de idéias e a formulação de políticas e estratégias de desenvolvimento e modernização do Brasil. O Inae promove estudos de natureza econômico-financeira, sociológica, político-institucional e cultural, colabora com entidades públicas e privadas na elaboração de pesquisas e organiza os Fóruns Nacionais visando oferecer propostas concretas para a modernização da sociedade brasileira. (OAB)

Revista Consultor Jurídico, 11 de maio de 2004, 14h41

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/05/2004.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.