Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Reflexos do atentado

Juízes dos EUA adiam julgamentos que envolvem muçulmanos

Juízes dos Estados Unidos têm adiado julgamentos de processos que envolvem muçulmanos depois dos atentados terroristas nos Estados Unidos. Eles querem evitar que, diante das circunstâncias atuais de crescente tensão racial, os muçulmanos sejam injustiçados pelos jurados.

Na Califórnia, o julgamento contra um imigrante egípcio acusado de matar uma criança foi adiado para o dia 28 de setembro para dar tempo de "esfriar os ânimos". Em Atlanta, um outro juiz adotou semelhante postura para adiar o julgamento de um clérigo muçulmano acusado de assassinato.

Segundo o jornal El País, há relatos de perseguição aos povos islâmicos e árabes no Texas e em Virgínia. Na segunda-feira (17/9),

mais de mil norte-americanos de origem árabe, africana e paquistanesa se manifestaram, em New York, para mostrar seu apoio aos EUA e condenar o terrorismo.

Revista Consultor Jurídico, 18 de setembro de 2001, 14h29

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 26/09/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.