Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Coluna do Rio

Consumidor: Carrefour do Rio é campeão em multas no Rio.

Por 

Levantamento da Secretaria Estadual de Defesa do Consumidor do Rio, que tem apenas quatro meses, trará a público os campeões de multas por abusos contra o consumidor. Alguns pesos pesados do varejo e da prestação de serviços serão severamente castigados por causa das irregularidades que cometem.

O recordista de multas é o Carrefour com R$ 9.576.000. Em segundo lugar está a Telemar com R$ 2.510.000. A Telefônica Celular fica em terceiro lugar com R$ 1.438.000. Em quarto, vem as Lojas Americanas com R$ 1.332.000. E a Arapuã está em quinto com R$ 511.000.

Na surdina, a Telemar está querendo fazer cobrança retroativa que é proibida. Se fizer isso, poderá levar multa de mais de R$ 42 milhões.

Manobra barrada

Duas novas vagas foram criadas para desembargador no Tribunal de Justiça do Rio. Uma delas era para o Ministério Público e foi preenchida imediatamente. A outra ficou para a OAB. Só que a relação de nomes dos candidatos da OAB demorou a ser enviada ao TJ.

O presidente do TJ, Marcus Faver, precisou falar grosso com os dirigentes da OAB-RJ para os nomes aparecerem. Segundo advogados do Fórum do Rio, a razão para tanto corpo mole é que o presidente da OAB-RJ, Octávio Gomes, estava esperando que seu irmão completasse 10 anos de prática forense exigido para o cargo.

Mas a manobra não deu certo. O TJ acaba de devolver a lista à OAB pedindo que o tempo de prática forense de cada advogado seja especificado.

Contratos suspensos

O Sindicato dos Médicos do Rio obteve importante vitória na Justiça. O juiz da 5ª Vara de Fazenda Pública, Marcelo Batista, anulou contratos da gestão passada na prefeitura para a terceirização de mão de obra em postos de saúde.

Fitas desaparecidas

O cantor João Gilberto, que continua em turnê pela Europa, está com seu mau humor elevado em relação ao hotel Lé Meridien, de Montparnasse. O famoso intérprete de "Desafinado" tem a mania de gravar em vídeo suas apresentações. Para sua surpresa, as quatro fitas de seu show no Olímpia simplesmente desapareceram do cofre do quarto do hotel em que se hospedou.

O compositor aguardará até segunda-feira (30/7) para que as fitas reapareçam. Caso contrário, acionará o seu advogado Nehemias Gueiros Júnior, que entrará com a ação por perdas e danos.

 é editor da revista Consultor Jurídico no Rio de Janeiro

Revista Consultor Jurídico, 27 de julho de 2001, 15h57

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/08/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.