Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Atacante processado

Luizão do Corinthians responde a processo por acidente de carro

O atacante Luizão, do Corinthians, está sendo processado por um comerciante de Campinas por causa de um acidente automobilístico ocorrido em 1993.

À época, o jogador, com 17 anos e sem carteira de habilitação, bateu o seu escort contra o voyage do comerciante Walter Martins Nogueira da Cruz, que ficou nove dias em coma em decorrência da colisão.

Cruz alega que, após receber alta no hospital, não teve condições físicas e psicológicas para trabalhar e como conseqüência teve que fechar a lanchonete, passando a sofrer dificuldades financeiras.

Em 1995, o comerciante recebeu R$ 3 mil em um acordo extra-oficial feito com o advogado do jogador. Agora, ele exige na Justiça uma indenização por invalidez.

A primeira audiência deverá ocorrer no próximo dia 6 de novembro no Fórum Central de Campinas.

Revista Consultor Jurídico, 28 de setembro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 06/10/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.