Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Comando Leste apura agressão

Ministro da Defesa apóia investigação de agressão a jornalistas

Em nota oficial, o Ministério da Defesa "reitera, na íntegra, a nota" divulgada pelo Comando Militar do Leste, que promete apurar a agressão de policiais do Exército a fotógrafos e jornalistas durante as festas do réveillon, no Forte de Copacabana, no Rio de Janeiro. O documento foi assinado pelo ministro Élcio Álvares.

Segundo a nota do Comando Leste, foi instaurado Inquérito Policial Militar (IPM) para investigar o caso. O incidente ocorreu quando fotógrafos tentavam registrar as imagens de um toldo que havia despencado durante o evento, do qual participava o presidente Fernando Henrique Cardoso.

Os fotógrafos Fernando Bezerra, do Jornal do Brasil, e Sheila Chagas, free-lancer da Editora Abril, teriam sido espancados e levados a um alojamento, onde tiveram seus equipamentos quebrados.

A jornalista Rosa Costa e o fotógrafo Ed Ferreira, ambos de O Estado de S.Paulo, também teriam sido agredidos. O IPM tem prazo de 40 dias, prorrogáveis por mais 20, para ser concluído.

Revista Consultor Jurídico, 4 de janeiro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 12/01/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.