Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Na linha de tiro

MPF pediu prisão preventiva de Luiz Estevão na semana passada

O Ministério Público Federal pediu a prisão preventiva do senador cassado Luiz Estevão (PMDB-DF) no último dia 7 à Justiça Federal. Pelas informações prestadas pela assessoria dos procuradores Luiz Francisco de Souza e Guilherme Schelb, à Consultor Jurídico, eles só divulgaram o pedido nesta terça-feira (12/12), para evitar que o senador inscrevesse sua empresa, em débito junto ao fisco, no Programa de Recuperação Fiscal do Ministério da Fazenda.

Ao procuradores receberam da Secretaria da Receita Federal ofício informando que, até esta data, o Grupo Ok não se encontra inscrito no Refis - o que contradiz o senador, que afirmara estar no programa desde a semana passada.

Se até antes da denúncia ele tivesse quitado ou parcelado seus débitos por meio do Refis, Estevão ele não poderia responder por crime fiscal.

Revista Consultor Jurídico, 12 de dezembro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 20/12/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.