Violência Contra Mulheres - A Vulnerabilidade Feminina e o Perfil dos Agressores – Adriana Maria Bigliardi e Maria Cristina Antunes

Resenha

 Esta obra apresenta um estudo realizado com mulheres vítimas de violência impetrada por parceiro íntimo, que teve método quantitativo, delineamento transversal e análise correlacional de variáveis.

Trata-se de um tema sensível, que envolve a violação dos direitos das mulheres e tem sua origem em múltiplos determinantes. É um problema social grave, de proporções endêmicas; aproximada­mente um terço de todas as mulheres do mundo já foram vítimas de violência física ou sexual cometida por um parceiro íntimo com quem mantinham ou mantiveram um relacionamento. As raízes desta violência encontram-se na construção sócio-histórica e cul­tural de relações assimétricas de poder entre gêneros.

A violência contra a mulher se funda em fatores culturais do ma­chismo, e estes valores são transmitidos em todos os espaços de transmissão cultural. As famílias representam importante instru­mento de perpetuação da violência entre parceiros íntimos. Um grande contingente de mulheres vítimas de violência impetrada por parceiro íntimo já foi vítima de violência na infância ou presenciou cenas de violência em seus lares, com vitimização de sua mãe ou outra mulher da família.

De forma análoga, muitos agressores também foram crianças víti­mas de violência e presenciaram suas mães sendo vitimizadas, fato que pode levá-los a reproduzir esta situação de violência em seus relacionamentos íntimos.

Além disso, um baixo repertório de habilidades sociais pode com­prometer a assertividade e a habilidade de expressão de senti­mentos negativos, impactando negativamente na capacidade de criar e manter redes de relacionamentos assertivos, fato que pode ser uma das variáveis presentes no perfil de agressores e de vítimas da violência.

Sobre o autor

ADRIANA MARIA BIGLIARDI

Mestre em Psicologia pela Uni­versidade Tuiuti do Paraná – UTP. Psicóloga e Bacharel pela Uni­versidade Tuiuti do Paraná – UTP. Especialista em Saúde Mental, Psicopatologia e Psicanálise pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná – PUCPR. Especialista em Psicologia Clínica pelo Con­selho Federal de Psicologia. Psicoterapeuta com formação em Psicoterapia Somática Biossín­tese pelo Instituto Brasileiro de Biossíntese e Center for Biosynthesis International Suiça, formação em Terapia Corporal pela Orgone Psicologia Clínica e Capacitação na Abordagem Sistêmica de Famílias pelo Núcleo de Psico­logia Clínica de Curitiba e Asso­ciação dos Magistrados do Paraná. Docente do Ensino Superior, ministrando aulas em Cursos de Graduação e Pós-Graduação.

MARIA CRISTINA ANTUNES

Doutora e Mestre em Psicologia Social pela Universidade de São Paulo – USP. Psicóloga formada pela USP. Docente do Mestrado em Psicologia da Universidade Tuiuti do Paraná. Pesquisadora do Núcleo de Estudos e Preven­ção de Aids – USP. Membro da Comissão de Estudos sobre Violência de Gênero – CEVIGE da OAB Paraná. Foi membro da Di­retoria da Sociedade Brasileira de Psicologia – SBP por quatro anos. Experiência na área de Psico­logia, atuando principalmente nos seguintes temas: psicologia da saúde, sexualidade, abuso sexual, violência contra a mulher, prevenção de aids e psicodrama.

Detalhes

ISBN: 978853628413-2
Número de páginas: 110
Publicado em: 22/10/2018
Editora: Juruá

Comprar

R$ 44,70

Central de Atendimento ao Cliente: telefone (11) 30947489 ou email
Política de venda, trocas e devoluções.