Consultor Jurídico

Home office

Casos de Covid aumentam e Fux prorroga trabalho remoto no STF para fevereiro

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, autorizou nesta quarta-feira (26/1) a prorrogação, até o final de fevereiro, da portaria que libera o trabalho remoto excepcional na Corte. Com isso, a sessão de reabertura dos trabalhos do STF, na próxima terça-feira (1º/2), será de maneira totalmente remota.

A medida, segundo informou o STF, foi tomada em razão dos índices elevados de transmissão e contaminação por Covid-19 e influenza no Distrito Federal. A portaria deve ser publicada nesta quinta-feira (27).

Trabalho remoto segue até fim de fevereiro STF

Em 10 de janeiro, a ministra Rosa Weber, vice-presidente do STF, havia determinou que os servidores da Corte trabalhassem em regime de home office até 31 de janeiro. A medida também foi adotada devido à Covid.

O STF entrou em recesso em 20 de dezembro. Voltou a funcionar em 6 de janeiro, com o retorno do trabalho presencial dos servidores, mas as férias dos ministros vão até 1º de fevereiro.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 26 de janeiro de 2022, 17h12

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 03/02/2022.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.