Consultor Jurídico

Conversão da preventiva

Defesa da mãe de Henry Borel pede prisão domiciliar após supostas ameaças

Retornar ao texto

Comentários de leitores

2 comentários

Hobby Macabro

Professor Edson (Professor)

A periculosidade dessa "mãe" inviabiliza a concessão do HC, a pedagoga para viver na alta sociedade alimentava o predador (Jairinho) com seu próprio filho, em troca de bolsas importadas, roupas caras, viagens internacionais e carros de luxo ela aceitava toda tortura psicólogica e física que seu filho sofria, como já foi relatado a vítima era colocada dentro do quarto com o predador (Jairinho) e lá sofria um conjunto bem elaborado e macabro de torturas, até acontecer o óbito, com 23 lesões comprovadas, foram tantas agressões que era comum o menino deixar o quarto do predador (Jairinho) toda arrebentada, mancando e desolada, e a "mãe" sabia de tudo e fazia questão de alimentar o predador(Jairinho) diariamente, bastava o menino estar respirando para ser torturado, era um verdadeiro hobby macabro, com esse nível alto de periculosidade e desprezo para com a vida humana o melhor lugar é a cadeia, e se sofre ameaças deve ser transferida para outro presídio, ou outra ala.

Predador

Professor Edson (Professor)

Predador-
adjetivo substantivo masculino
1.
que ou aquele que preda.
2.
diz-se de ou ser que destrói outro violentamente.
3.
POR EXTENSÃO
que ou o que destrói o ambiente em que atua, ou os elementos dele (diz-se de qualquer agente).

Comentar

Comentários encerrados em 23/01/2022.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.