Consultor Jurídico

Mercado Jurídico

Por Sérgio Rodas

Equipe fortalecida

Banca Souto Correa Advogados anuncia quatro novos sócios de capital

O escritório Souto Correa Advogados promoveu quatro advogados a sócios de capital: Patrícia Mota Alves (Trabalhista), Fabio Henrique Di Lallo Dias (Energia), Otávio Domit e Luis Alberto Salton Peretti (Resolução de Conflitos).

Escritório Souto Correa Advogados
anuncia quatro novos sócios de capital
Reprodução

Patrícia Mota Alves, que atua na unidade de São Paulo, tem mais de dez anos de experiência na área trabalhista e integra o Souto Correa desde a sua fundação, em 2013. Trabalha em demandas de alta complexidade, negociações coletivas, elaboração de políticas e revisão de práticas trabalhistas, bem como em temas de global mobility, proteção de dados, compliance e ESG. É membro do Comitê de Diversidade do escritório.

Otávio Domit, que trabalha em Porto Alegre, tem mais de 12 anos de atuação em contencioso judicial estratégico e também integra o escritório desde a sua fundação. Sua prática envolve o atendimento de clientes nacionais e estrangeiros em litígios de alta complexidade relativos a diferentes setores da indústria. 

Fabio Di Lallo, que fica em São Paulo, é especialista em Direito da Energia. Sua prática envolve questões estratégicas do setor elétrico, sendo que possui mais de 15 anos de experiência na área. 

Luis Alberto Salton Peretti, também do escritório de São Paulo, integra a equipe de resolução de conflitos, atuando principalmente em arbitragens nacionais e internacionais. Antes de ingressar no escritório, em 2019, foi o secretário-geral de uma importante instituição de arbitragem da América Latina durante dois anos. Peretti é fluente em mandarim, membro ativo do Asian Desk do escritório e integra as listas de árbitros de diversas instituições na China e no Brasil. 

Os novos sócios são anunciados na mesma data em que Guilherme Rizzo Amaral assume como CEO do escritório, sucedendo a Carlos Souto. O processo sucessório havia sido iniciado em agosto de 2020 e a mudança na liderança foi o resultado natural dentro do contexto da governança do escritório.

Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 7 de janeiro de 2022, 12h49

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 15/01/2022.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.