Consultor Jurídico

Olho vivo

Corregedoria-Geral da Justiça Federal conclui inspeção ordinária no TRF-5

A Corregedoria-Geral da Justiça Federal concluiu os trabalhos de inspeção ordinária no Tribunal Regional Federal da 5ª Região. As atividades, realizadas na modalidade presencial, tiveram início no último dia 13 e foram encerradas após a inspeção em mais de 30 unidades da corte. 

Narciso LinsA inspeção foi realizada em mais de 30 unidades do TRF da 5ª Região

O corregedor-geral e vice-presidente do Conselho da Justiça Federal, ministro Jorge Mussi, participou da solenidade de encerramento da inspeção e adiantou que os resultados colhidos foram positivos: "Pelos relatos que já me foram repassados, a semana foi de muito trabalho e bastante exitosa, em especial quanto à troca de informações e ao registro de boas práticas de gestão".

ministro também destacou o bom desempenho daquela corte no que diz respeito às ações na área de tecnologia. "Este TRF-5, berço do PJe, pelo que pude perceber, prioriza o princípio da razoável duração do processo, sendo que os recursos tecnológicos oferecidos pelo processo eletrônico são destaques no alcance dos bons resultados aqui verificados", disse ele.

Ainda durante a sessão, o ministro Jorge Mussi prestou uma homenagem ao ministro aposentado do Superior Tribunal de Justiça José Augusto Delgado, que morreu no último dia 8: "De pulso firme e de coração sensível, com seu carisma e dialética próprios dos grandes homens, o ministro Delgado arrebatou uma legião de admiradores, dentre os quais eu me incluo. Ele deixa um belíssimo legado de comprometimento com a magistratura e o seu propósito finalístico de ministrar a Justiça com altíssima qualidade, aplicando as leis sem descuidar da humanidade por trás dos conflitos". 

Em seu discurso, o presidente do TRF-5, desembargador federal Edilson Nobre, destacou a importância dos trabalhos realizados. "Esse tipo de iniciativa proporciona uma troca de experiência e de aprendizado entre os órgãos da Justiça federal. Estamos à disposição para receber as recomendações que se fizerem necessárias para aprimorar os nossos serviços", declarou o magistrado. 

Encaminhamento 
O relatório de inspeção do TRF-5 será submetido à aprovação do Conselho da Justiça Federal e encaminhado ao Conselho Nacional de Justiça. Em seguida, será publicado na página eletrônica da Corregedoria-Geral, para que possa ser consultado por qualquer cidadão interessado. Com informações da assessoria de imprensa do Conselho da Justiça Federal e do TRF-5.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 21 de setembro de 2021, 21h23

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 29/09/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.