Consultor Jurídico

Comentários de leitores

1 comentário

Portaria n° 620

Roner (Servidor da Secretaria de Segurança Pública)

Para mim a discussão está indo para rumos equivocados. Não existe comprovação que a vacina impede a contaminação ou o contágio do vírus, mas sim evita o agravamento da doença. Para mim, o que justificaria a obrigatoriedade seria a preocupação estatal com a coletividade em relação a saúde, ou seja, quanto menos agravamentos, menos internações, menos mortes e menos gastos estatais como também garantindo o bem está social. Iria seguir a mesma linha de fundamentos para a obrigatoriedade do cinto de segurança.

Responder

Comentar

É necessário se identificar fazendo login no site para poder comentar.
Não tem conta na ConJur? Clique aqui e cadastre-se!