Consultor Jurídico

Comentários de leitores

9 comentários

A vontade - i

O ESCUDEIRO JURÍDICO (Cartorário)

"Ao suspender a remessa dos autos dos processos envolvendo o ex-presidente Lula para Brasília, o juiz Luiz Antonio Bonat tenta atuar como revisor do Supremo Tribunal Federal, segundo o advogado Cristiano Zanin, responsável pela defesa do ex-presidente.
Sylvio Sirangelo Luiz Antonio Bonat tenta usar decisão que não lhe diz respeito para desobedecer ordem do Supremo, segundo defesa de Lula.
Após o julgamento da 2ª Turma do Supremo que decidiu pela suspeição de Sérgio Moro, o juiz da 13ª Vara Federal de Curitiba emitiu um despacho suspendendo o envio de dois processos envolvendo Lula para o Distrito Federal.
Acontece que o envio dos processos foi determinado em outro pedido de Habeas Corpus, no qual Luiz Edson Fachin declarou o juízo incompetente para julgar os casos de Lula, anulando todas as condenações e ordenando a remessa para o Distrito Federal.
A defesa de Lula afirma que, desde essa determinação de Fachin, o juiz não poderia tomar mais nenhuma decisão, pois foi declarado incompetente. No entanto, ele continua afrontando o Supremo.
"Ele já afrontou o Supremo ao proferir novas decisões para manter o bloqueio dos bens e para selecionar os processos que iria remeter para Brasília, que foi considerado o juízo competente. E agora, ao manter o processo em Curitiba, ele está mais uma vez afrontando a autoridade da decisão, buscando se transformar numa espécie de revisor do Supremo Tribunal Federal", afirma Zanin".

No livro "Mundo como Vontade e Representação, o filósofo
No livro, “Mundo Como Vontade e Representação”, Schopenhauer disse que a "Vontade" é apresentada como a coisa-em -si, e o corpo é o objeto imediato da vontade.
E a Vontade, que faz parte do título do livro?
No homem, a Vontade é o fundamento do querer viver, do sentimento de posse...

A vontade - ii

O ESCUDEIRO JURÍDICO (Cartorário)

da dominação, da aquisição, da imposição, do afirmar-se.
A vontade da Décima Terceira Vara de Curitiba é sobrepor-se a lei.

Número do azar

olhovivo (Outros)

Essa 13ª Vara Federal de Curitiba tá ruim de juízes hein! Já teve juiz que se associa a uma das partes (mpf, no caso); uma outra que sentencia na base do recorta e cola; e agora esse outro que, apesar de aparentar maturidade cronológica, custa a entender e cumprir as decisões de tribunal superior. Talvez seja o número 13. Não acredito em bruxaria, mas que existe, existe.

Comentário

O ESCUDEIRO JURÍDICO (Cartorário)

É, realmente, é o número 13.

Estrago

carlos.msj (Advogado Autônomo - Civil)

A farsa-jato não para de fazer estragos no sistema judicial brasileiro.

Farsa?

Daniel cortes (Advogado Assalariado)

Os 5 bilhoes recuperados deram em árvores? Ou foram retirados de inocentes ?

Processo deixou de existir.

Agente Público (Funcionário público)

Feliz dia de ontem.
Começo da reorganização do Direito.
Vejam...
O que o atual juízo da décima terceira vara Federal fez, ao meu ver, foi correto! Por quê?
Ora, se "moro" foi declarado parcial é todo processo é nulo, então, não há o que enviar para BSB.
Não existe processo!
Isso, claro, na minha visão.

Só uma duvida...

Valter Antunes (Outros)

... você usa óculos??

Bizarro

CCJ (Cartorário)

República de Curitiba e suas bizarrices....

Comentar

Comentários encerrados em 1/04/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.