Consultor Jurídico

Prevenção à Covid-19

TJ-SP prorroga até 16/5 trabalho 100% remoto em todo o estado

O Tribunal de Justiça de São Paulo editou nesta sexta-feira (7/5) um provimento que prorroga o sistema de trabalho 100% remoto em todo o Estado, em primeira e segunda instâncias, até o dia 16 de maio.

TJ-SPTJ-SP prorroga até 16/5 trabalho 100% remoto em todo o estado

A medida considera o cenário da Covid-19 em todas as regiões de São Paulo e observa o mais recente anúncio do Plano São Paulo, que estendeu a fase de transição em todos os Departamentos Regionais de Saúde. Com informações da assessoria de imprensa do TJ-SP.

Veja a íntegra do provimento.

PROVIMENTO 2.616/2021

PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO, Desembargador GERALDO FRANCISCO PINHEIRO FRANCO, no uso de suas atribuições legais (artigo 26, II, ‘p’, e artigo 271, III, e seu § 3º, ambos do RITJSP),

CONSIDERANDO o Provimento CSM 2564/2020, cujo artigo 35 preconiza que, havendo necessidade, o Tribunal de Justiça poderá retomar ou prosseguir com o Sistema Remoto de Trabalho em todas as comarcas ou parte delas, na hipótese de recrudescimento ou nova onda de infecção generalizada pela Covid-19, observado, se caso, o Plano São Paulo baixado pelo Poder Executivo estadual;

CONSIDERANDO o disposto no artigo 1º do Provimento CSM 2600/2021, que estabelece a possibilidade de prorrogação do Sistema Remoto de Trabalho, se necessário, por ato da Presidência do Tribunal de Justiça;

CONSIDERANDO que a preocupação maior da Corte, como de todo o Poder Judiciário, é com a preservação da saúde de magistrados, servidores, colaboradores, demais profissionais da área jurídica e do público em geral;

CONSIDERANDO que a ênfase ao enfrentamento da questão sanitária não tem trazido prejuízo à prestação jurisdicional, como revela a destacada produtividade do Tribunal de Justiça durante o período da pandemia, contabilizando-se, até 2/5/2021, a prática de mais de 34 milhões de atos, sendo 4 milhões de sentenças e mais de 1 milhão de acórdãos;

CONSIDERANDO que, a despeito das sérias ações do Poder Executivo estadual, ainda é delicado o panorama da Covid-19 no estado de São Paulo, observando-se, conforme anúncio feito no dia de hoje, a permanência de todos os Departamentos Regionais de Saúde em 'fase de transição' para a fase 2 (laranja) do Plano São Paulo, a exigir a manutenção do Sistema Remoto de Trabalho em todo o estado de São Paulo, em primeiro e segundo graus;

RESOLVE:

Art. 1º. Prorroga-se o prazo de vigência do Sistema Remoto de Trabalho em todo o estado de São Paulo, em primeiro e segundo graus, para o dia 16 de maio de 2021.

Art. 2º. Este provimento entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

PUBLIQUE-SE. REGISTRE-SE. CUMPRA-SE.

São Paulo, 07 de abril de 2021.
GERALDO FRANCISCO PINHEIRO FRANCO
Presidente do Tribunal de Justiça




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 7 de maio de 2021, 16h39

Comentários de leitores

2 comentários

E os processos físicos??

Henrique R (Advogado Sócio de Escritório - Empresarial)

"CONSIDERANDO que a ênfase ao enfrentamento da questão sanitária não tem trazido prejuízo à prestação jurisdicional"
Quem escreveu esse considerando vive em Nárnia, só pode. E os milhares de processos físicos parados? E os alvarás que foram solicitados - e que não podem ser expedidos? Vários lugares trabalhando em sistema de rodízio. Mas o Tribunal de Justiça de São Paulo não pode instituir rodízio, já que manter tudo fechado não "tem trazido prejuízo à prestação jurisdicional". Revoltante.

Verba honorária

Radgiv Consultoria Previdenciária (Advogado Autônomo - Previdenciária)

A medida é importante porque preserva vidas. No entanto, não escape ao conhecimento do Tribunal e da OAB, que pelo visto está dormindo em berço explêndido, que há muitos processos físicos que os advogados tem verba sucumbencial a receber. Fórum fechado, panela vazia na casa dos advogados, que também precisam sobreviver. A medida mais correta seria a promoção de digitalização de todos os processos físicos. Desta forma, não haveria solução de continuidade nos serviços judiciais, o que está acontecendo neste momento com os fóruns fechados e os processos físicos nas prateleiras.

Comentários encerrados em 15/05/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.