Consultor Jurídico

Nome forte

Tucci afirma que não faz campanha para vaga no STF, mas não recusaria indicação

O professor da Faculdade de Direito da USP e colunista da ConJur José Rogério Tucci negou ter qualquer envolvimento no movimento de juristas que faz campanha a favor de sua indicação para vaga no Supremo Tribunal Federal, em decorrência da aposentadoria do atual decano da corte, ministro Marco Aurélio, em julho deste ano.

Empresários e membros do Judiciário fazem campanha para que professor da USP,  José Rogério Tucci, seja indicado ao STF
ConJur 

O movimento pela sua indicação foi registrado nesta quinta-feira (10/6) na coluna de Sonia Racy, no jornal O Estado de S.Paulo. Segundo a nota, Tucci estaria bem cotado para ocupar a vaga por conta de seu perfil técnico e posicionamento político neutro.

A primeira vez que o nome de Tucci foi ventilado na imprensa foi na coluna da jornalista Monica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo, que apontou que seu nome tem sido citado por empresários e membros do Judiciário como uma opção a ser considerada para vaga do ministro Marco Aurélio.

Tucci afirmou que sabe das conversas em torno de seu nome, mas disse que não está envolvido e nem incentiva e campanha. "Elogio em boca própria é vitupério", disse. "Como o [ex-ministro] Nelson Jobim diz: 'Vaga no STF não se pleiteia, mas não se recusa'."

Caso a campanha tenha sucesso, Tucci irá se juntar a outros ministros oriundos da Faculdade de Direito do Largo do São Francisco como Ricardo Lewandowski, Alexandre de Moraes e Dias Toffoli.




Topo da página

Revista Consultor Jurídico, 10 de junho de 2021, 12h37

Comentários de leitores

2 comentários

Oxalá!

Advogada Civilista (Advogado Autônomo - Civil)

Queira Deus e praza aos céus!
Resta saber se Lauria Tucci, que, mais do que ostentar notório saber jurídico, é um cientista do direito, irá suportar alguns de seus futuros "pares", que transformaram o STF em vergonhoso balcão de decisões, que parecem pautadas pelo tamanho dos beiços de seus "prolatores", mais do que pela jurisprudência honrosa.
Boa sorte, é o desejo de todos os que ainda têm esperança de que o STF volte a ser uma Corte digna da confiança e esperança dos jurisdicionados.

Em nome do saber jurídico!

Luiz F M Castro (Advogado Sócio de Escritório - Empresarial)

Que bom seria ter este ilustre jurista, culto, respeitado e reputação ilibada em nosso STF!

Comentários encerrados em 18/06/2021.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.